terça-feira, 2 de junho de 2009

Somos Um nesta Missão

svpaulo
Venho aqui partilhar com vocês um texto que sairá no próximo Boletim, mas com a vantagem de podermos todos comentar e colocar as nossas questões! Portanto leiam por favor e coloquem as vossas dúvidas! Para quem sente o apelo para ajudar os outros, está aqui o ponto de partida!

“Somos Um nesta Missão

Quando me deparei perante o dever de ajudar alguém, confesso que fiquei desde logo interessado, mas verdade seja dita, a minha vontade de ir à primeira reunião não era muita. Mas é claro que o meu interesse mudou, e significativamente, senão não estaria este texto aqui hoje. A partir do momento em que missão de ajuda e partilha se dividia por todos nós, de jovens a adultos, tornou-se para mim, realmente uma missão. Em relação à razão porque escrevo isto, é bastante fácil de explicar. A meados da segunda reunião, discutíamos como distribuiríamos a informação pela comunidade cristã da Bobadela…Eu julgava ser boa ideia, para além de espalharmos folhetos de informação, que essa mesma informação constasse no Atear. E aí surgiu a ideia...o Pe. Raimundo sugeriu que eu próprio escrevesse e comentasse a nossa missão.

Bem, provavelmente até aqui ainda ninguém se apercebeu de que estou falar, e se não descrevesse esta missão provavelmente também não o saberiam. Então, aqui vai…O compromisso em que estou inserido requer força e vontade por isso não é qualquer um se propõe a fazer isto. “Os Vicentinos”, de que tenho estado a falar, são um grupo de gente de todas as idades que se disponibiliza a ajudar as pessoas necessitadas das suas localidades/freguesias oferecendo-lhes alimentos, como “meio de comunicação”, do ponto de vista em que, quando estes são entregues chegamos assim até elas para perceber quais são realmente as suas necessidades. Nós, “Os Vicentinos”, vamos também apoiar a “Comunidade Vida e Paz”, pois, temos com esta um objectivo em comum: AJUDAR… e quando falamos em ajudar, é claramente visível que isto não é fácil, principalmente a parte da organização e trabalho a que me comprometi também, pois não é possível ajudar sem esforço.

Então, com esperança da nossa parte, gostaríamos que toda a comunidade nos ajudasse nesta missão e esperamos ver sensibilidade dos cidadãos da Bobadela face ás pessoas necessitadas. É com prazer que vos apresentamos este grupo e colocamo-vos também inseridos neste projecto e compromisso.

Francisco Magalhães

8º ano da catequese”

Comentem por favor e ajudem estes jovens a continuar a partilha! Pois sem comentários todos pensam que ninguém está a tomar a devida atenção…


6 comentários:

Pedro Caeiros disse...

Chegou-me por email mais uma ajuda a este projecto que é a distribuição destes folhetos:
-->> https://cid-688ac9408652e1a9.skydrive.live.com/self.aspx/.BlogImages/Vicentinos.jpg

Assim se ainda não estão a ver a importância desta entrada escrita pelo Francisco Magalhães, deviam começar por ler esse folheto e aperceber que é altura de ajudarmos!
Este grupo é para todas as idades e para todos aqueles que sentem que podem ajudar!
Qualquer dúvida com horários e reuniões é melhor colocarem aqui sff porque se ninguém disser nada este grupo nunca mais crescerá! Mostrem interesse por favor ;)

Anónimo disse...

que texto francisco! eu nao me explicaria melhor :) sim somos um novo grupo activo na paroquia "os novos vicentinos" mas precisamos da vossa ajuda para crescer!

obrigado pelo texto está realmente fabuloso e explicativo

FILIPA

Anónimo disse...

Oláá,
Qunado me dizias que tinha jeito, para escrever pensei que escreverias bem pior que eu, mas está aqui provado perante todos que escreves MUITO bem e bem, bem melhor que eu.
Este texto explica o que estamos a fazer, impossível, explicar tudo muito bem "explicadinho" porque são muitas coisas, mas apesar de tudo o teu texto tá muito bom mesmo.
Bjinho,

Ana Sofia- 8º Ano da Catequese da Bobadela

Anónimo disse...

Olá Francisco!
Partilho da mesma opinião da Filipa, pois este texto esclarece, as actividades vicentinas, e quem, e o que faz realmente este grupo.
Fico contente por saber que este texto vai para o boletim paroquial, pois para além de ser um texto escrito por uma pessoa directamente ligada ao grupo (quer ao vicentinos, quer ao meu grupo de catequese), alarga, de certa forma os horizontes a este projecto, mas também, contribui para uma comunidade mais activa e disposta a ajudar devido ao teu texto divulgar a actividade vicentina (pois este texto vai ser de certo, lido por muitas pessoas, quer no blog, quer no boletim).
Parabéns pelo teu texto!

beijinhos,

Inês 8º ano catequese da Bobadela

zeluzia disse...

Francisco
Já tinha lido, muitas vezes, os teus olhos!
Hoje, li o teu texto!
Não faço mais elogios porque os/as que me precederam já o fizeram de sobejo.
Que Vicente de Paulo, o tal que que ensina a orar quando se cuidava com urgência dos pobres, ilumine o caminho desta flor de serviço!
Por estes dias creio que será interessante irmos visitar algumas das figuras históricas do apostolado vicentino em Lisboa! Abrem-se os nossos olhos para horizontes sem fim.
Coragem!
Zé Luzia

MagalhãesFM disse...

Obrigado pelos comentários... que incentivam a escrever mais, e come o Pe.Luzia disse hoje: sou melhor a escrever do que a falar visto que na eucaristia fiquei um pouco atrapalhado a improvisar o recado do nosso grupo e da parte das entregas dos alimentos... gostei dos vossos comentários

obrigado,
Francisco

Enviar um comentário

Related Posts with Thumbnails